curadoria de marcas em 2018

Os internautas estão ficando mais e mais inteligentes a cada dia. Eles seguem as marcas não apenas porque acreditam em seus produtos ou serviços, mas também porque encontram valor nas postagens compartilhadas. Seus seguidores nas redes sociais esperam continuamente seu conteúdo, e é por isso que você precisa explorar novas ideias e maneiras de anunciar sua marca sem parecer um papagaio.

É fácil cometer um erro, especialmente quando você publica conteúdos atropeladamente sem uma estratégia de marketing sensível ao tempo ou define seu feed social no piloto automático por tempo indeterminado. Os erros podem ocorrer nesses casos; Por isso, é crucial aprender a lidar com falhas, para evitar erros de curadoria de conteúdo.

Sua presença nas redes sociais não precisa parecer uma bagunça se você aplicar a estratégia social correta. No entanto, muitas marcas modernas, infelizmente, falham ao automatizar suas redes sociais e se parecem com robôs. As marcas lutam para encontrar o equilíbrio correto entre aplicar um toque humano à criação de conteúdo e à automação. O resultado final? Um impacto negativo no crescimento e envolvimento dos seguidores.

O que as marcas estão fazendo de errado com sua curadoria de conteúdo? Como isso afeta sua estratégia nas mídias sociais? Leia e use isso como um lembrete do que você não deveria fazer com sua estratégia de criação de conteúdo.

Não Publicando Conteúdo Atualizado

As marcas muitas vezes esquecem de desempenhar um papel ativo na curadoria de conteúdo. Eles não percebem que a publicação de novos conteúdos manterá suas mídias sociais atualizadas, envolventes e interessantes, especialmente quando tiverem vários artigos compartilhados em seu feed. Elas também não buscam novos artigos relevantes para seu público, e consequentemente deixam seu feed social ficar preso no passado.

Com que frequência você vê artigos compartilhados por marcas que contêm informações que não são aplicáveis hoje? Quantas vezes você clicou em "últimas notícias" e percebeu que é um artigo publicado anos atrás?

É aqui que entram as plataformas de curadoria de conteúdo. Em vez de precisar procurar manualmente o conteúdo mais recente em que seus seguidores estariam interessados, você pode usar ferramentas que fazem a curadoria desse conteúdo para você, como Scoop.itFeedly ou Storify. Muitas plataformas de gerenciamento de mídias sociais já possuem ferramentas de curadoria de conteúdo embutidas para você usar também. Por exemplo, aqui no Social Report, você pode organizar ou distribuir conteúdo de qualquer feed RSS ou simplesmente inserir uma palavra-chave para o tipo de conteúdo em que está interessado e conectar-se à nossa biblioteca com milhares de feeds RSS.

plataformas de curadoria em 2018

A redes sociais não precisa ocupar muito do seu tempo. Você não tem que passar pela avalanche de artigos e séries de tuítes para saber o que está acontecendo ou as tendências. É para isso que servem as ferramentas de agendamento e as plataformas de curadoria de conteúdo. Elas reduzem o tempo perdido e o estresse desnecessário, para que você possa se concentrar mais no que é importante.

Não Aderir a uma Agenda de Postagem

Muitas marcas cometem o erro de postar conteúdo nas mídias sociais sem uma solução de agendamento e, por causa disso, constantemente estão estressados em ser “pontuais”. Tornar-se desorganizado é fácil, especialmente se você não criar um plano diário ou semanal. Mesmo se você tiver todos os recursos na sua frente, o fato de não estar usando seu tempo com sabedoria vai ser muito caro.

Será diferente quando você começar a cumprir a agenda. Quando você tem uma rotina, você faz mais coisas. Ela também irá acabar o estresse de ter tudo a tempo, seu esforço de curadoria de conteúdo e oferecerá a capacidade de planejar suas postagens com antecedência, especialmente quando você quiser levar em consideração o número ideal de postagens por dia e os melhores horários para postar em cada rede.

Especialistas em marketing social sabem que os posts programados são a base de um feed social eficaz e que é importante que as marcas trabalhem com antecedência em seu conteúdo. É por isso que o agendamento de mídia social é o pão com manteiga das marcas de hoje.

Entretanto, também é importante encontrar um cronograma que melhor funcione para você e seu conteúdo. Tente algumas estratégias diferentes e veja se você está obtendo o máximo disso. Você não precisa cumprir uma programação 100% do tempo e, por exemplo, pode publicar notícias de última hora, mas ter uma forte base em vigor economiza seu tempo e permite agendar com mais eficiência.

agendando posts em 2018

Não Seguir as Pessoas Certas

Seguir as pessoas certas é uma parte importante da sua estratégia de curadoria de conteúdo. Por quê? É simplesmente porque você não aprende muito com marcas que só fazem autopromoção, especialmente as que fazem de forma contundente.

Entretanto, quando você segue bons digital influencers nas redes sociais, você terá um melhor entendimento do que faz o público-alvo ou o que seus seguidores podem querer. Você também pode obter idéias e inspirações de especialistas. Se você conhece pessoas que podem influenciar sua estratégia de marketing, é melhor segui-las nas redes sociais para ver as diferentes abordagens que elas têm para sua marca ou empresa.

Um bom exemplo de um feed social para o conteúdo compartilhável é Jason Fried, do Basecamp. Ele é um dos profissionais de marketing reconhecidos que representa uma fonte contínua de conteúdo que nosso público sempre encontrará relevante e interessante, o que é fundamental quando se procura alguém para seguir. O tipo de conteúdo que você procura das pessoas que você segue fornece entretenimento, valor educacional e etapas práticas que seus seguidores podem aplicar em suas vidas ou empresas.

jason fried no twitter em 2018
"Criamos nosso negócio evitando problemas.Isso é a razão fundamental que fazemos o que fazemos, e continuamos a fazer — lucrativamente, e com um time pequeno — por 18 anos e seguindo.Quando queremos tomar grandes decisões, pensamos nelas em um contexto de custo no futuro. Basicamente, quantos problemas teremos no futuro se fizemos isso hoje?"

Se você fizer questão de criar uma lista de influenciadores para seguir, onde poderá extrair conteúdo e compartilhar o conteúdo com seus seguidores, será possível determinar que tipo de artigos gera mais engajamento e cliques de seu público. Isso, por sua vez, ajudará você a desenvolver sua própria estratégia de curadoria de conteúdo e a conhecer os tipos específicos de conteúdo aos quais seus seguidores respondem melhor.

Não Ter Um Feed Versátil

A falta de versatilidade quando se trata de feeds sociais visível pela maioria das marcas modernas hoje em dia. Elas cometem o erro de postar puramente links e tuítes para redes sociais, pensando que só eles são suficientes para receber mais engajamento.

Esta é uma das razões pelas quais os seguidores deixam de seguir. Eles não têm conteúdo visual. Claro, você pode ter produzido um post fundamental, mas como você fará com que seu público clique nele se você não mudar seu conteúdo social de tempos em tempos?

Foi comprovado e amplamente conhecido entre os profissionais de marketing de mídias sociais que posts com imagens ou vídeos recebem muito mais engajamento. Não há razão para ir além - os recursos visuais são extremamente importantes para o engajamento de mídias sociais, e é por isso que a pressão por eles só parece ficar mais forte. Então, como você escolhe os visuais certos para o seu conteúdo? Encontre imagens que capturem seu público-alvo.

Melyssa Griffin, do Nectar Collective, é uma boa representação da curadoria de conteúdo executada perfeitamente. Quando você passa por seu feed social, você vê uma variedade de conteúdo que inclui vídeos educacionais, citações motivacionais, recursos gratuitos para empreendedores on-line e muito mais.

perfil de twitter exemplo curadoria em 2018
perfil de twitter exemplo em curadoria
twitter exemplo de curadoria 2018

E isso é apenas o começo. O fator principal aqui é que qualquer feed social bem organizado terá uma grande variedade de conteúdo, em vez de apenas fotos, apenas links, ou apenas blogs, apenas vídeos e assim por diante. Você precisa misturar as coisas e fornecer ao seu público diferentes tipos de conteúdo informativo e visual, a fim de mantê-los interessados em sua mensagem e adicionar um toque pessoal ao feed social que eles desejam.

Não Pensar Em Seu Público

Marcas com feeds sociais totalmente promocionais não atraem seguidores. Isso porque elas não pensam profundamente sobre o público pretendido e não determinam quais tópicos e conteúdos seriam mais relevantes para eles. A estrategista de conteúdo Tiffany Monhollon recomenda que as marcas devem começar tendo o público em mente. Elas devem saber as necessidades de seus seguidores para que possam criar adequadamente conteúdo significativo relacionado aos seus negócios. A relevância é fundamental na curadoria de conteúdo. É crucial conhecer primeiro o seu público e produzir os tópicos que mais se importam.

De acordo com as descobertas da Enable Marketing, 59% das pessoas disseram que seguem uma marca porque estavam interessadas em ouvir sobre sua última promoção da empresa, mas 58% das pessoas, também, disseram que se irritavam quando uma marca posta promoções toda hora e 46% dos seguidores provavelmente clicariam no botão deixar de seguir por causa disso.

Este é um estudo interessante, uma vez que indica que a marca deve atingir o equilíbrio certo ao comercializar seus produtos ou serviços com vendas em excesso ou empurrá-los a seus seguidores. Embora você obviamente não deva mencionar seus concorrentes em seu próprio feed, não vai doer mostrar algum amor a outros jogadores em seu setor.

Encontrar o equilíbrio entre educação, entretenimento e promoção pode ser realmente difícil. Então, como os profissionais de marketing social fazem isso? Embora haja muitos índices recomendados quando se trata de postar nas mídias sociais, os especialistas sempre seguem a regra 80/20. Isso significa que apenas 20% do conteúdo que você publicar deve ser promocional, enquanto os outros 80% devem ser de conteúdo que agregue valor ao seu público.

Não Sabendo Como Reciclar Posts

Certeza que muitos de nós, profissionais de marketing digital, já experimentamos o bloqueio de escritor ou perdemos nossa criatividade em algum momento enquanto tentamos produzir novos conteúdos para nosso público. Nos dias em que temos dificuldade em apresentar um artigo, os postos de reciclagem são definitivamente um salva-vidas. Esta é uma das oportunidades que a maioria das marcas sente falta, infelizmente. Elas não usam essa chance para reaproveitar seu melhor conteúdo para obter mais valor.

Ao reciclar seu conteúdo, você cria mais oportunidades para ter seu conteúdo reaproveitado na frente de novas caras. Você pode ganhar novos seguidores e gerar mais engajamento dessa maneira. Simplesmente compartilhá-lo uma vez não garante que todos os seus seguidores o verão. Isso é por causa dos algoritmos de redes sociais.

monitoramento de engajamento 2018

Primeiro, vamos pegar o algoritmo de feed de notícias do Facebook como exemplo. O que os usuários do Facebook verão em seu feed individual dependerá de como eles reagem às postagens feitas por seus amigos e marcas ou anunciantes que eles seguem. Esta é a maneira do Facebook garantir que apenas uma parte dos seguidores de sua página de negócios verá suas atualizações de status em seus feeds, daí a importância de agendar conteúdo reaproveitado. Portanto, lembre-se de trabalhar em suas legendas ao reciclar postagens para que sua audiência não fique entediada com seu feed social.

Segundo, republicar seu melhor conteúdo também pode lembrar seus seguidores do que é importante. Você pode parecer como spam para aqueles que já viram seu conteúdo, então há um pequeno risco aí. No entanto, se você lembrar seus seguidores por meio de diversas interações do mesmo conteúdo, você poderá melhorar a visibilidade da sua marca com sucesso.

A lição aqui é não ficar com as mesmas legendas padrões toda vez que você reciclar postagens antigas. Essas alterações sutis farão com que seu feed pareça menos obsoleto, mesmo se você estiver trabalhando com uma quantidade limitada de conteúdo.

Conclusão

Lembre-se de que uma estratégia eficaz de curadoria de conteúdo não é bombardear seus seguidores com conteúdo e esperar que parte do conteúdo ressoe. Trata-se de publicar conteúdo relevante para seu público-alvo no lugar e no horário certos. Sabendo o que seu público está procurando e o que gera mais engajamento, você pode então criar uma estratégia específica para sua marca que tenha a combinação certa de conteúdo novo e de terceiros que ajudará no crescimento, no engajamento e no posicionamento dos seguidores. sua marca como especialista em sua respectiva indústria.